Paróquia Frei Galvão - Pastoral realiza 1º encontrão com crismandos 2015



Na manhã do domingo (17/05), na Matriz Paroquial de Frei Galvão, mais de 50 crismandos, entre jovens e adultos, se reuniram para participar de um grande momento de oração e formação, que foi iniciado pela celebração da santa missa na Solenidade da Ascensão do Senhor, presidida por nosso pároco, Pe. Vicente Gregório. .
Enfim, nossa gratidão, a todos os irmãos do Grupo Evangelizar que nos ajudaram a anunciar com mais fervor o Evangelho do Senhor! Deus os recompense!
E que venha o 2º Encontrão dos Crismandos-2015 e a Celebração da Crisma no 2º semestre!
 Após a Missa, o Grupo Evangelizar da Paróquia São Sebastião, à convite de nossa Pastoral da Crisma (representada por Muryllo, Yasmin e Hermerson Saulo), iniciou o momento de formação que teve como temática: QUEM É UNGIDO COM O CRISMA DEVE DIFUNDIR O "BOM PERFUME DE CRISTO" (2º Coríntios 2,15).

Inicialmente houve uma dinâmica de apresentação dos membros do Grupo Evangelizar e depois dos crismandos de cada comunidade. Fez-se uma breve parada para o lanche, depois a catequista e líder do Grupo Evangelizar, Tatiana Meireles, iniciou sua palestra. Durante a palestra houve várias dinâmicas e também estudos em grupos.
O momento de formação encerrou com todos os crismandos, sentados no chão da Matriz, formando uma cruz, cantando uma música "Oferta" (Missionário Shalom)

Por fim, Pe. João Maria, nosso vigário, falou umas breves palavras aos presentes, exortando-os à participação na vida da comunidade e concedeu a todos a bênção.
Nossa gratidão aos crismandos vindos das diversas comunidades da paróquia e a seus catequistas pelo apoio e incentivo! Nossa gratidão aos membros da coordenação da Pastoral da Crisma pelo excelente trabalho que vêm realizando na paróquia. 


fonte: blog Paróquia Frei Galvão

Diocese realiza encontro com comunicadores em comemoração ao 49º Dia Mundial das Comunicações Sociais.

a Diocese de Parnaíba realizouna noite de sábado (16/05), no centro de treinamento pastoral Sagrada Familia, o encontro com os comunicadores dos meios de comunicações da nossa cidade como: rádio, tv e internet. Este encontro é alusivo  ao 49º Dia Mundial das Comunicações Sociais. Neste ano a igreja destaca como tema:  "Comunicar a família: ambiente privilegiado do encontro na gratuidade do amor"


 Dom Alfredo Shaffler, bispo da nossa Diocese.

 O Padre João Maria conduziu aos presentes a reflexão sobre o texto base da carta do Papa Francisco.
 Em seu texto, o papa reconhece a importância da família como lugar privilegiado para o aprendizado da comunicação, trazendo como exemplo a passagem bíblica do encontro de Maria com sua prima Isabel. O Papa Francisco faz a leitura orante desta passagem bíblica, sob a ótica da comunicação que se estabelece entre Maria, Isabel e o menino que estava sendo gestado em seu ventre.
Na Mensagem, ele nos conduz a refletir que, o ventre que nos abriga é a primeira ''escola'' de comunicação, feita de escuta e contato corporal, onde começamos a familiarizar-nos com o mundo exterior num ambiente protegido e ao som tranquilizador do pulsar do coração da mãe. Este encontro entre dois seres simultaneamente tão íntimos e ainda tão alheios um ao outro, um encontro cheio de promessas, é a nossa primeira experiência de comunicação. E é uma experiência que nos irmana a todos, pois cada um de nós nasceu de uma mãe.
A comemoração desse dia foi instituída pelo Concílio Vaticano II, com o decreto Inter Mirifica, em 1963. E como ocorre todos os anos, por ocasião da festa litúrgica de São Francisco de Sales, patrono dos jornalistas, o Santo Padre divulga uma mensagem ao mundo para ajudar na reflexão e na celebração do Dia Mundial das Comunicações Sociais, na Festa da Ascensão do Senhor.
Padre João Maria, Danilo (Coord. da Pascom diocesana) e Edson
(Coord. da Pastoral Familiar)


fonte fotos e texto adaptado: blog divulgando o evangelho e diocese de Parnaiba

Sagrado Coração de Jesus: Crismandos participam da Romaria ao Santuário da Mãe dos Pobres

A Pastoral da Crisma da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, promoveu na tarde de sábado (16/05), a Romaria ao santuário da Mãe dos Pobres na cidade de Ilha grande do Piaui  (Paróquia Nossa Senhora da Conceição).
A Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição foi o primeiro de ponto de parada da peregrinação, no qual foi abordado o tema: "Maria Mãe da Igreja". O momento de reflexão foi conduzido pelo catequista José Filho.
No segundo momento, os jovens subiram as escadarias que dá acesso ao santuário da Mãe dos Pobres para a culminância da Romaria em momento de entrega e devoção a Nossa Senhora.

Realização Pastoral da Crisma Paróquia Sagrado Coração de Jesus - Diocese de Parnaíba - PI




Fotos/fonte: Henrique - Blog Divulgando o Evangelho

13 de maio: centenas de devotos participam da procissão que encerra a festa de Nossa Senhora na matriz de Fátima

Devotos e toda a comunidade católica de parnaiba se fizeram presente na procissão que encerrou o trezenário em honra a Nossa Senhora. A paróquia de Nossa Senhora de Fátima (Diocese de Parnaiba), escolheu como tema central da festa "MARIA,  presença medianeira na comunidade".
Antes da procissão, às 17h foi celebrada a santa missa.

 
Nossa Senhora de Fátima (ou Nossa Senhora do Rosário de Fátima) é uma das designações atribuídas à Virgem Maria que apareceu repetidamente a três pastores, crianças na altura das aparições, no lugar de Fátima, tendo a primeira aparição acontecido no dia 13 de Maio de 1917. Estas aparições continuaram durante seis meses seguidos, sempre no mesmo dia (exceptuando em Agosto). A aparição é associada também a Nossa Senhora do Rosário, sendo portanto aceito a combinação dos dois nomes - dando origem a "Nossa Senhora do Rosário de Fátima" - pois, segundo os relatos, "Nossa Senhora do Rosário" teria sido o nome pelo qual a Virgem Maria se haveria identificado, dado que a mensagem que trazia consigo era um pedido de oração, nomeadamente, a oração do Santo Rosário.
Fecha o ciclo de aparições iniciado em Paris, como Nossa Senhora das Graças, sucedida pela aparição em La Salette e Lourdes.

  HISTÓRICO DA PARÓQUIA NA. SRA. DE FÁTIMA
Dom Paulo Hipólito de Sousa Libório (foto ao lado), tendo chegado à cidade de Parnaíba, como Bispo desta Diocese, reconheceu a necessidade de se instalar uma Paróquia no populoso bairro Nova Parnaíba – conhecido por “Casas Populares”, onde havia um terreno doado pelo Sr. Adolfo Quirino para a construção de um Santuário, como Marco Comemorativo da passagem da Virgem Peregrina de Fátima, por Parnaíba em 1953.
Neste terreno, o Mons. Antonio Sampaio, então vigário da Catedral, havia já iniciado a construção do projetado Santuário, suspendendo porém, os trabalhos a meia altura das paredes.

O depósito que servia para guardar o material da construção foi logo pelo senhor Bispo, adaptado em modesto Salão-Capela, para a celebração de Missas Dominicais, funcionamento de uma escola primária e centros de catequese.

Em outubro de 1960, por ocasião das Santas Missões Gerais de Parnaíba pelos padres Redentoristas Americanos, foi o bairro também missionado e com grande êxito.

Foram confiados os trabalhos de humanização e evangelização do bairro ao padre Raimundo Vieira e as Irmãs Missionárias de Jesus Crucificado, surgindo até de uma maneira primária, um Conselho de Bairro para solucionar os problemas de mais urgência.

Em 1962, graças à dedicação de Padre Raimundo Vieira e o acolhimento do povo do Bairro, foram retomados os trabalhos de construção de igreja, sendo levantadas as paredes e colocado o teto com cobertura de telha de amianto.

Enquanto os trabalhadores de construção da igreja iam se realizando, paralelamente ia também crescendo a vida religiosa do bairro, sendo consoladora a participação à Santa Missa, o interesse do povo pela renovação da Liturgia e a generosidade em contribuir para as coletas dominicais, Campanha da Fraternidade, Natal, Vocações e outros.
Como Bispo da época, não dispunha de Clero Diocesano para assumir a nova Paróquia, recorreu aos Padres Redentoristas Americanos que também por falta de padres disponíveis, deixaram apenas a esperança de um futuro compromisso de acordo com possíveis possibilidades de aceitação.

Neste período, chegaram a Fortaleza, os Padres Redentoristas da Paróquia Irlandesa e o Sr. Bispo resolveu tratar do assunto diretamente a Roma, com o superior geral da Congregação, padre Guilherme Godreaque, que tomou todo o interesse pelo assunto e logo se pôs em comunicação com a Província Irlandesa, recomendando o pedido que lhe havia feito a Diocese de Parnaíba.O vice-provincial, Padre Jaime Collins, veio então a Parnaíba, ver as possibilidades locais e a boa vontade da Diocese e do povo, achando fundamental o pedido, dependendo porém, da aprovação Provincial Irlandesa.

Para tratar desta fundação, esteve em Parnaíba, por várias vezes, o Padre Jaime, que trouxe também o visitador Padre Frederico Jones e o próprio Provincial Irlandês.
 
INSTALAÇÃO CANÔNICA E POSSE DO 1º VIGÁRIO DA PARÓQUIA
A 07 de dezembro de 1966, às 20:00h na Igreja Nossa Senhora de Fátima, ainda em construção, realizou-se a instalação canônica e posse do 1º Vigário, pelo Bispo Dom Paulo Libório, que confiou aos Padres Redentoristas da Congregação do Santíssimo Redentor (CSsR) da Vice Província Irlandesa, a Paróquia Nossa Senhora de Fátima.


Emoção marca a paixão de Cristo "Um homem chamado Jesus" em Parnaiba

sexta-feira santa (03/04) - Emoção e muita chuva marcou a encenação da paixão de Cristo "Um Homem chamado Jesus" realizada pela ASCAP ((Associação sócio cultural amigos Perseverantes)..
Frei Santos, Pároco da Paróquia São Sebastião deu inicio a abertura da paixão parabenizando o esforço e o trabalho desenvolvido por todos para apresentar a 21ª edição, depois de 20 dias de muitos ensaios intensos.
Neste ano a paixão de Cristo contou com a participação do ator convidado, Rico Lima e da atriz Flávia Viana.
Foram mais de 2 horas de encenação ao ar livre, distribuído em quatro palcos na arena cenográfica.
Durante a encenação da crucifixão de Cristo, uma forte chuva caiu, mas os espectadores continuaram concentrados, vivendo intensamente os momentos finais da paixão de Cristo. Aliás, a chuva creio eu, foi a fonte de energia para toda a equipe formada por mais de 200 pessoas, entre atores, atrizes, técnica e apoio, que mesmo diante de uma forte tempestade não se  desmotivaram, e tão pouco em nem um momento pararam o espetáculo, levando todos que assistiam a uma emoção intensa ,a flor da pele.

 Abertura



 O batismo de Jesus pelo profeta João Batista



 Tentação de Jesus no Deserto


 Sermão da Montanha



 Última ceia, jesus lava os pés dos apóstolos



Cristo aponta Judas Iscariotes como "o traidor"

 Jesus institui a santa eucaristia, a aliança eterna e o sacerdócio.



Judas arquiteta a prisão de Jesus no Sinédrio. 

 Jesus no Jardim das oliveiras


 Jesus é preso para ser julgado



 Jesus sendo julgado no Sinédrio

Jesus é apresentado a Pôncio Pilatos





 Jesus Cristo foi enviado ao Rei Herodes pra ser julgado

 Claúdia, esposa de Pilatos, relata o sonho que teve sobre o julgamento de Jesus



 Jesus é condenado a cruciificação






 Crucificação de Cristo

O corpo de Jesus é descido da cruz e levado para os braços de Maria.
 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Copyright © 2014. PARNAIBA CATÓLICA - All Rights Reserved
Template Created by Creating Website Published by Mas Template
Proudly powered by Blogger